Notícias

4 de junho de 2015

Socorro! Fui chamado para a equipe de comunicação de meu Grupo de Oração! O que fazer agora?

Olá comunicadores! Animados para comunicar o Amor? Claro que sim, por isso você acessou este blog!

Imagine a cena: seu coordenador do Grupo de Oração chega para você e fala: “ei você, servo fiel, agora você vai cuidar da nossa comunicação“. Fala sério, a gente sabe que sua reação foi bem assim:




Calma, gente boa! Estamos aqui para lhe ajudar!
Antes de prosseguir, vamos analisar se você possui as características listadas abaixo:


  1. Pessoa de oração e vida sacramental;
  2. Apresenta um testemunho de vida;
  3. É uma pessoa determinada, que motive os que estão à sua volta;
  4. Vive a Unidade;
  5. É humilde;
  6. É bem informado;
  7. Possui senso crítico, sabe avaliar e ter zelo;
  8. Conhece o Movimento e a vida da Renovação Carismática Católica;
  9. Tem disposição em servir o próximo.
  10. Tem acesso e conhece os meios de comunicação.

(Fonte: Cartilha “Ministério de Comunicação”, 2012, RCCBrasil)

E aí? Completou os 10 itens? Parabéns! Você é chamado a servir no Ministério de Comunicação Social! Se ainda faltou algo ou ficou na dúvida, basta se esforçar em sua vida de oração e estar com o coração aberto a viver o batismo no Espírito Santo com todas as suas consequências. Ahhh! E a caminhada fraterna com os irmãos é essencial pois sozinhos não conseguimos dar muitos passos.

É bom esclarecer que o comunicador de Grupo de Oração não precisa ser um profissional da área de comunicação social. Basta que a pessoa escolhida seja uma serva fiel, com um perfil comunicativo, espontâneo e que esteja disposta a viver a comunhão e estabelecer relações. Claro, há alguns outros atributos que esse servo deve apresentar, afinal comunicar é um papel muito importante em qualquer instituição, e na RCC não seria diferente.

Você é chamado a colaborar de forma efetiva com a promoção da unidade. É chamado a, através de seus trabalhos, gerar comunhão interna, entre os membros do Grupo, bem como do Grupo com as demais instâncias da RCC. O Ministério de Comunicação pode pensar e desenvolver suportes para que os processos de comunicação, de fato, se estabeleçam, de forma que o Movimento caminhe em total unidade, a partir daquilo que o Santo Espírito suscitar como direcionamento ao seu povo.

O que fazer?
Para início de conversa, apresentamos algumas leituras obrigatórias. Apresentamos um tesouro para seu Grupo de Oração: A Cartilha do Ministério de Comunicação da RCCBrasil e o Manual de Identidade Visual.

Manual de Identidade Visual




É um documento técnico, contendo um conjunto de recomendações, especificações e normas essenciais para a utilização de uma marca, com o objetivo de preservar suas propriedades visuais e facilitar a sua correta propagação. Traz as suas variações oficiais e estabelece algumas normas de uso.


Baixe os arquivos:
1. Marca | 2. Manual de Identidade Visual da RCCBRASIL


Cartilha para comunicadores




Com foco nos trabalhos dos Grupos de Oração e diretrizes sobre o que é a comunicação e sobre comunicação na perspectiva da Igreja Católica e da RCC, é um conteúdo essencial para ser trabalhado nos Grupos de Oração.

Clique aqui e baixe a cartilha.

Site do Ministério de Comunicação nacional
O site da Rede de Comunicação RCCBrasil reúne informações e partilhas sobre os encontros para os comunicadores do Brasil. Fique sempre ligado acessando o endereço www.rederccbrasil.com.br.

Grupo no Facebook do MCS Sergipe

Sim amigos! Acessem sempre este o grupo! Aqui vamos disponibilizar material de formação e partilha de experiências de nosso estado.

Gostou? Então vai lá e fala pelo facebook!

Já temos trabalho de casa para fazer. Leia tudo com muita calma e atenção. Se houver dúvidas você pode procurar seu coordenador do ministério  ou diocese.

Temos um grande tesouro em nossas mãos. O Senhor confia a nós essa missão de comunicar uma vida nova no Espírito. Vem com a gente!

Fonte: Blog do Ministério de Comunicação Social do Rio de Janeiro
 
Copyright © 2017 RCCSERGIPE - Renovação Carismática Católica de Sergipe.